Pagamentos via dispositivos móveis: você precisa conhecer!

O que esperar para o mercado comercial nos próximos anos? Agora, sem a necessidade de cartões e maquinetas, é possível realizar pagamentos via dispositivos móveis. Essa realidade facilitou essa etapa do processo de venda. E hoje, se dá bem quem oferece ao cliente a comodidade e segurança que só esse tipo de transação pode oferecer.

Segundo dados do Banco Central (BC), os pagamentos pelo celular e outros dispositivos móveis aumentaram cerca de 2275% nos últimos cinco anos.Em 2015, o BC identificou 15% das transações efetuadas via aparelhos móveis.

No ano seguinte, esse índice alcançou 28% das operações. Isso significa que o pagamento mobile caiu no gosto do brasileiro. E a projeção é de que cada vez mais esse seja o modelo de recebimento nos estabelecimentos do País.

Também segundo a revista Exame, o pagamento via celular terá movimentado até US$23,7 bilhões no Brasil (pelo menos até até 2021).

Confira mais informações sobre os pagamentos via dispositivos móveis nos tópicos abaixo!

A mudança nas formas de comprar

Certamente a forma de compra e consumo das pessoas mudaram. É notório que agora o comprador busca muito mais os valores agregados ao serviço e a comodidade em optar pela empresa X ou Y.

Os avanços da tecnologia impactaram todos os setores, e nas vendas não foi diferente. Hoje, todo processo foi automatizado. Todo o seu ciclo: desde o trabalho de marca até o suporte pós-venda. E o cliente encontrou nessa inovação maior flexibilidade, comodidade e segurança.

Assim, as pessoas estão aderindo cada vez mais os métodos digitais de compra. Por exemplo, isso explica o crescimento dos e-commerces, onde empresas prospectam, negociam e vendem tudo via internet. O cliente não tem um espaço físico para visitar, toda experiência dele com o produto e a marca antes da compra é feito pelas redes.

Ascensão do digital

Esse mercado é uma ascensão no Brasil. Segundo o 38º Webshoppers, do Ebit/Nielsen, o e-commerce por aqui cresceu 12,1% no primeiro semestre. Isso em comparação direta entre os anos de 2018 e 2017, com relação ao mesmo período. Esse aumento representa um faturamento de R$ 23,6 bilhões.

Pagamentos via dispositivos móveis também ficaram concentradas na faixa etária de 25 a 34 anos. Esse dado mostra como a geração Z está constantemente buscando alternativas que facilitem as ações do dia a dia.

Vantagens de investir no pagamento mobile

Mas afinal, o que as pessoas estão buscando nos pagamentos via dispositivos móveis? Esse crescimento em adesão desse tipo de transação tem motivos bastante relevantes.

Em primeiro lugar, quando se fala em pagamento mobile, o fator praticidade deve ser ressaltado. Lembre o quão exaustivo é enfrentar aquelas filas de bancos, com tantas burocracias e papeladas necessárias, para apenas pagar um boleto ou fazer um depósito.

Com pagamentos via dispositivos móveis você faz isso na sala da sua casa, no conforto do seu escritório, enquanto aguarda a chegada no destino a bordo de um táxi ou até mesmo enquanto brinca com seu cachorro, por exemplo. Com um clique você cumpre com aquele compromisso financeiro e pronto, tranquilidade para continuar usufruindo do seu dia.

Segurança

Além disso, vamos ressaltar o quão seguro é pagar via dispositivos móveis? Esses sistemas estão cada dia mais simples e com menos exigência de fornecimento de dados. O máximo que você pode precisar é ter uma conta em banco. No entanto, já existem aplicativos no mercado que deixa essa exigência de lado.

Já pensou em ter a sua carteira todinha no celular? Isso sem precisar andar com cartões e dinheiro. Você estará seguro para abertura somente mediante leitura da digital do usuário. Isso traz um alívio e tanto para uma realidade tão difícil quanto a que enfrentamos no Brasil, especialmente no aspecto da segurança pública. É quase que indispensável!

E a vantagem mais expressiva e relevante: a rapidez do processo. Tem coisa mais estressante para o brasileiro do que ter que parar tudo na rotina para aguardar uma fila? Ou ter que enfrentar o gerente por problemas com a documentação. Quando você vê já se passaram horas e algo que parecia ser rápido e prático, tornou-se um verdadeiro terror.

Os pagamentos via dispositivos móveis garantem a celeridade dos processos de efetivação do negócio. Facilitando a vida de quem não pode parar! Esse, decerto, é o benefício mais buscado pelos usuários.

Pagamentos via dispositivos móveis: o que cuidar?

Mas, como nem tudo são flores, existe um grande detalhe que precisa ser cuidado:  prazos de pagamento. Isso é necessário porque, como todo trabalho é informatizado, podem ocorrer problemas que atrapalhem o repasse do dinheiro e provoquem consequências inesperadas.

Por isso, se planeje para fazer seus pagamentos via dispositivos móveis. Assegure todas as datas previamente agendadas para depósito. E, em caso de recorrência com problemas de conexão de rede, a sugestão é buscar alguns sistemas que funcionam com possibilidade offline.

Agora você já sabe um pouco melhor sobre pagamentos via dispositivos móveis. Essa adesão pode acrescentar muito na sua rotina e transformar o dia a dia bem mais produtivo!

Este artigo foi útil pra você, certo!? Que reforçar todas essas informações com outro dos nossos materiais? O artigo ‘Cliente digital: como adaptar pagamentos para esse público’ vai te ajudar a saber mais sobre as novas formas de pagamento que a sua loja precisa aderir!