Como não entrar no rotativo do cartão de crédito

Não há dúvidas de que usar cartão para fazer suas compras pode trazer muitos benefícios. Contudo, é preciso fugir do pesadelo do rotativo do cartão de crédito.

Basicamente, o rotativo é quando você não consegue pagar o valor total da sua fatura — fazendo apenas o pagamento mínimo. Isso transfere o restante do débito para o mês seguinte e permite que você continue usando o cartão.

É um serviço muito útil nos momentos de aperto. Contudo, é preciso cuidado. Se não souber controlar seus gastos, você pode acabar criando a famosa “bola de neve”: débitos que vão só crescendo e crescendo, sem que você consiga pagá-las.

Para te ajudar, nós separamos algumas dicas para você não entrar no rotativo e poder aproveitar somente o melhor do seu cartão! Que tal dar uma olhadinha?

Evitando o rotativo do cartão de crédito: o que você não deve fazer

Não é preciso sair cancelando seus cartões para evitar entrar no rotativo do cartão de crédito. Você pode sim utilizá-los e ainda aproveitar o melhor que eles têm a oferecer para sua vida financeira. Para te provar, separamos algumas dicas entre o que você não deve e o que deve fazer.

Vamos começar pelos “nãos” abaixo, veja só:

Não compre o que você não pode pagar

Muitos consumidores cometem o erro de comprar itens que não podem pagar com dinheiro pela facilidade do parcelamento. Contudo, é preciso se programar: não faça uma compra onde o  valor das parcelas você não poderá pagar com o dinheiro do seu salário no fim do mês.

Não pague um cartão com outro

Alguns cartões permitem que você faça o pagamento de contas, inclusive faturas de outros cartões. Porém, essa prática é muito arriscada. Você não deve transferir saldos de cartão para cartão somente para adiar as datas de vencimento.

Se você fizer isso, tenha um bom motivo, como aproveitar uma taxa de juros menor. Caso contrário, você só estará transferindo o problema de um lugar para outro, sem resolvê-lo.

Não faça saques em dinheiro

Fazer saques em dinheiro com seu cartão de crédito pode gerar taxas altas sobre o valor adiantado. Mesmo que o saldo seja pago integralmente no final do mês, você ainda paga juros sobre o dinheiro emprestado.

Evitando o rotativo do cartão de crédito: o que você deve fazer

Agora vamos ao que você deve fazer para evitar cair no rotativo do cartão de crédito:

Prefira parcelar sua fatura a pagar o mínimo

Parcelar a fatura é bem melhor do que escolher pagar o valor mínimo porque os juros do parcelamento são bem menores isso faz com que você economize. 

Determine seu próprio limite

Em vez de confiar nos limites de crédito estabelecidos pela empresa de cartão de crédito, assuma um papel ativo em evitar dívidas e determine seu próprio limite com base na quantidade de dinheiro que você tem no banco.

Pague o saldo integral a cada mês

Somente faça compras se você puder pagar todo o saldo do cartão de crédito no vencimento. Não conte com rendas incertas. Faça seu planejamento financeiro e só conte com aquele dinheiro que é certo na sua conta. 

Pague no vencimento

Quando um consumidor paga uma conta com atraso, a empresa de cartão de crédito pode cobrar multas e elevar a taxa de juros conforme definido no contrato de cartão de crédito. As taxas de inadimplência do cartão podem chegar ao dobro da taxa padrão.

Limite o número de cartões de crédito

Ter muitos cartões de crédito torna mais difícil manter um controle e fazer pagamentos no prazo. A maioria dos consumidores não precisa de mais do que dois cartões. Além disso, muitos cartões cobram anuidade, o que pode significar que você perderá dinheiro pagando diferentes taxas anuais para diferentes empresas.

Mantenha um registro das compras

É importante anotar todos os seus gastos. Isso não só vai te ajudar a se planejar antes mesmo da fatura chegar, como também permitirá comparar tudo o que está sendo cobrado e ver se está certo. Caso note algo errado, você poderá entrar em contato com a empresa do cartão imediatamente.

Sem dúvidas, usar o cartão é muito cômodo, mas essa comodidade pode ser um problema sem o devido controle. Porém, com essas dicas, você poderá ficar longe do rotativo do cartão de crédito, ao mesmo tempo em que desfruta de todos os seus benefícios!

E para continuar aprendendo como deixar suas finanças sempre no verde, baixe gratuitamente nosso Manual de Educação Financeira e comece a economizar agora mesmo!