Cliente digital: como adaptar pagamentos para esse público

As vendas digitais crescem cada dia mais. São milhares de empresas espalhadas por todo mundo conectadas em um lugar. Consumidores conhecidos como ‘cliente digital’ mergulham nesse universo em busca de produtos que os atendam.

E para garantir que essa ascensão não caia por terra, os empreendedores do e-commerce passaram a viabilizar formas diferenciadas de realizar suas cobranças e promover os recebimentos pelas vendas.

Neste artigo vamos falar sobre essas adaptações. Como elas ocorreram e quais as vantagens de viabilizar o cartão private label como forma de realizar suas operações comerciais. Preparado para conhecer um pouco mais desses recursos e ser um sucesso também com a sua loja online?  Acompanhe a leitura!

Quem é o cliente digital?

O cliente digital é o usuário que navega na internet e compra por meio desse espaço. Ele possui características semelhantes ao cliente físico, tais como desejo por desconto e consumo exagerado.

Além disso, alguns atributos acabam sendo exclusivos desse tipo de consumidor. Podemos destacar a avidez por experiências tecnológicas e inovadoras. Além de uma instantaneidade de consumo quase que inacreditável.

Esse internauta está submerso em um oceano de conteúdos, informações, cores, imagens, e outros. E pensando nisso, é necessário ter bastante destreza para conquistar a atenção do cliente digital e engajá-lo com a sua página. No e-commerce, o marketing digital é uma necessidade.

Sem falar que esse cliente digital é extremamente investigador. Ele procura pesquisar bastante antes de comprar. Também gosta de interatividade e possui um potencial enorme de influência. A internet proporcionou essas características aos usuários e agora cabe aos empresários transformarem seus negócios para ir de encontro a essas necessidades.

Como essa pessoa consome?

Em 2017, uma pesquisa revelou que 93% dos brasileiros com acesso à Internet já realizaram compras online. Decerto esse é um número muito bom para quem investe e acredita nesse universo como forma de fazer negócio.

De fato, a forma de consumo do cliente digital se diferencia em alguns aspectos quando comparado ao cliente tradicional. Como citado anteriormente, esse consumidor anseia por inovação e tecnologia. Ele quer facilidades e funcionalidades. Não é simplesmente estampar um produto, é facilitar o acesso do cliente até ele.

Na hora de comprar, o cliente digital se apoia no que vê e experimenta virtualmente. Sites lentos, com baixa qualidade de design e outros fatores são fechados em segundos. Não dá para brincar com e-commerce. Ou se é agressivo e bom ou você ficará para trás.

Quando se trata de pagamento então, há muito o que falar. O cliente digital precisa fazer transações virtuais. E, como dito anteriormente, até nesse processo ele busca por ações simplificadas e instantâneas.

Como estão sendo feitos os pagamentos digitais?

Há diversas formas de promover o recebimento virtual do sua venda. Vamos citar neste tópico algumas tecnologias que estão auxiliando o cliente digital a conseguir pagar suas compras de forma otimizada e prática.

Pagamento recorrente em débito sem autenticação

Dados da ABECS (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços) mostram que de janeiro a setembro de 2017, os brasileiros realizaram 5,4 bilhões de transações por cartões de débito, contra 4,4 bi em cartões de crédito.

O uso do cartão de débito avançou cerca de 10% quando comparado ao mesmo período de 2016. Em contrapartida, o cartão de crédito, o crescimento foi de 4%.

Por isso as empresas como Uber e a Netflix passaram a possibilitar a opção inédita de cadastrar pagamentos com cartão de débito sem a obrigatoriedade de autenticação, como acontecia anteriormente. Ao selecionar pagamento no débito o usuário era direcionado a uma página do banco para que a autenticidade da compra fosse confirmada.

Isso foi possível porque os sistemas utilizados por essas empresas baseiam suas estratégias de combate a fraudes no tratamento inteligente de um alto volume de dados.

Big data

E por falar em volume de dados, várias empresas já perceberam o quão importante é coletar os dados de comportamento do cliente para o desenvolvimento de ações assertivas. Com as formas de pagamento não foi diferente.

Conhecer o big data é importante porque esse processo de pagamento permite captar e analisar informações variadas, entre envio para aprovação e retorno.

Inteligência em tratamento de dados é a peça para melhorar os índices de conversão e, consequentemente, para que os consumidores encontrem melhor experiência com suas transações aprovadas.

Cartões private label

Que tal oferecer ao seu cliente digital a oportunidade de ter um cartão exclusivo da sua empresa? Você já ouviu falar sobre os cartões private label? Basicamente eles funcionam como um método de compra onde o cliente possui benefícios de desconto e parcelamento ao utilizarem o recurso próprio da empresa.

No e-commerce os cartões private label funcionam muito bem. Pois além de garantir essas vantagens citadas ao cliente, ele promove a fidelização e a recorrência do cliente com a marca.

O private label cria um elo entre a empresa e o cliente. Ter um cartão com a logo da sua empresa na carteira vai aproximá-lo da sua marca e dos seus processos de vendas. O objetivo do private label é dar ao cliente a oportunidade de comprar em uma empresa transparente e acessível.

As empresas digitais podem oferecer aos seus clientes um cartão Private Label por vários motivos. Primeiramente, fornecer aos usuários uma maneira alternativa de fazer compras, mais econômica e mais transparente. Geralmente, um cartão Private Label não possui anuidade e as taxas por atraso de pagamento são reduzidas se comparadas com as de um cartão de crédito.

Por fim, gostaríamos que entendesse que o e-commerce dá ao empresário um potencial incrível de vendas e faturamento. Isso porque ele não se limita a um bairro ou localidade. Os cliques do mundo podem alcançá-lo e, por isso, você deve se adaptar às formas de pagamento que mais atraiam esse público.

Se tiver ficado interessado na possibilidade de oferecer um cartão próprio da sua empresa ao seu cliente digital, aqui na FORTBRASIL nós administramos os cartões private label de vários negócios de sucesso. O seu pode ser mais um. Clicando aqui você pode contatar um dos nossos consultores e saber mais sobre as vantagens dessa implementação.